Postagens populares

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Resumo da semana 14/10 a 18/10

Esta semana tive mais resultados... portanto, mais passos dados a caminho da FIV.

Segunda feira, véspera do feriado dos professores, meu feriado...
Fui com minha mãe e irmã em Duque de Caxias comprar roupas para formatura dos meus tios João e Vânia, será em dezembro agora. Nem entendi o que eu estava fazendo lá em Caxias, esse acontecimento de sair todas juntas é tão raro quanto um eclipce total do sol.  rs rs
Ao final das compras, minha irmã mostrou a loja em que ela comprou todo o enxoval da minha sobrinha Isabela. Acreditem, Isabela já está com 6 anos e eu nem sabia desta informação... rs rs é q minha irmã não fala nada pra ninguém, faz e qdo vê já tá feito. Não compartilha valores e endereços com ninguém. por isso minha surpresa. Voltando ao assunto, faltavam os vestidos das crianças, então ela falou sobre esta loja. Fiquei encantada, por que tem tudo que se possa imaginar para enxoval e num  preço maravilhoso...
Ex.
3 toucas de plush cores diversas R$7,00
saída de maternidade (lindas) a partir de R$69,00
body de diversos modelos e tamanhos a partir de R$4,00
Inacreditável não é?

Peguei o endereço e volto lá assim que meu beta for confirmado.

Terça fiquei de molho em casa. chovia muito no RJ. E feriado ainda por cima.

Quarta: Trabalhei o dia todooo na escola. Véspera de Mostra Pedagógica, o que não faltou foi o que fazer. Nem reclamei, pq amanhã é a apresentação dos trabalhos e minha consulta com o Angiologista. Como teria que trabalhar o dia todo amanhã, inverti, vim hoje pra ir ao médico amanhã.

Quinta: Trabalhei na parte da manhã e fugi as 11h. rs
Fui ao angiologista. O médico me pediu um doppler, que por coincidência fazia no mesmo centro comercial do consultório dele, era só descer até o 3° andar. Corri lá pra marcar e pra minha surpresa consegui um encaixe e fiz o doppler na hora, peguei o resultado em 10 minutos. Voltei pro 8°andar, e o médico ainda estava lá... (é que já eram 19 horas). rs Ele me viu na sala de espera e me convidou a retornar ao consultório pra avaliar o doppler. Sei que sou leiga, mas por favor, não duvide do meu raciocínio. O laudo do doppler foi bem claro: NÃO HÁ SINAIS DE TROMBOSE, VEIAS E ARTÉRIAS COM BOM FLUXO.
Não é que o cara veio com um papo que terei que operar a tal veia que tive trombose na gestação da Valentina? Segundo ele, é  pra EVITAR uma nova ocorrência de trombofilia. Disse que toda a cirurgia, o trabalho dele, hospital e anestesista seriam pagos pelo plano, porém, o equipamento de laser dele eu teria que pagar o aluguel... oras... são só 4mil. Tentou me convencer até em parcelar em 20 vezes... pode uma coisa dessas? Me deu um monte de papeis com pedidos de risco cirúrgico feito por um cárdio, pedido de Raio X, eletrocardiograma, sangue, urina, fezes... etc.
Pronto, perdi a credibilidade no médico. voltei pra casa... feliz por já ter um doppler nas mãos e encucada com o que esse angiologista falou.

Sexta: marquei os exames que o angio de ontem pediu, afinal, esses exames é sempre bom fazer e estar atualizados. Na semana que vem vou a um Cardiologista, então  aproveito e levo o resultado logo.
Marquei um novo angiologista, será para a primeira semana de novembro. Melhor ver uma segunda e até terceira opinião, não é mesmo?

até a próxima semana... com:

raio x, eletrocardiograma, exame de urina e fezes, pesquisa de mutação, Mamografia, resultado da  videohisteroscopia com biópsia, espermograma do marido...

Ufa! Semana que vem promete ...

Clínicas de Fertilização Humana no RJ. Endereços

CLINICAS DE REPRODUÇÃO HUMANA - RJ 

1- Clínica Dale - Centro de Medicina da Reprodução 
www.clinicadale.com.br - Clinisul 
Dr. Luiz Fernando Dale / Edna Pettes 
R.Lauro Muller, 116 - sala 1202 Rio de Janeiro 
Fone 21 - 2543-1355 / 2543-1669 

2- Centro de Reprodução Humana Fertilidade 
Dr. Ricardo Sertã 
Rua Alexandre Ferreira, 462 Rio de Janeiro 
CEP22470220 
Fone 21 - 2286-5921 / 2537-521 

3-CEGIR - Centro de Ginecologia e Reprodução Humana 
CEGIR 
Av . Almirante Barroso, 22 / 17º andar Rio de Janeiro 
Fone 021 - 2220-9659 / 2262-0621 Só faz tratamento para ser encaminhado para clínica de Reprodução Humana 
Site www.cegir.com.br 

4-Clínica Dr Otavio Espindola 
Dr Otavio Espindola 
R. Gal. Rocca, 778/1008 Rio de Janeiro 
Fone 21 - 2567-3344 

5-Clínica Lemgruber 
Dr Marcelo Lemgruber 
R. São Clemente, 452 Rio de Janeiro 
Fone 21 - 2539-0744 
Email mlemgruber@openlink.com.br 

Onde irei realizar a minha FIV.
6-Pró-Nascer - Reprodução Humana 
Dr. João Ricardo Pessoa Auler Coimbra 
R. Angelica Mota 90 Caxias Rio de Janeiro e Barra da Tijuca no Barra Life na Armando Lombardi 1000 
Fone 21 – 2653-1621 Caxias / 3171-7854 Barra 
Site www.pronascer.com.br 


7-G & O Barra 
www.cmb.com.br 
Dra. Maria do Campo Borges de Souza 
Av. das Américas, 4666 - Salas 312-313 Rio de Janeiro 
Fone 21 – 2247-0818/2430-9060/2430-9070 

8-Clínica Huntington - Dr. Isaac Huntington 
Downtown e Ipanema 
www.huntington.com.br 
Fone 21 – 2486-0595/2493-0308 

9-Clínica Perinatal - Origen 
Laranjeiras Clínica Perinatal 
Rua das Laranjeiras 445 - Rio de Janeiro 
2102-2334 ou 2102-2335 

10- Clínica Dr. Paulo Gallo 
Dr. Paulo Gallo 
Rua Siqueira Campos, 43 - sl. 731 Rio de Janeiro - Copacabana 
Fone 21 - 2549-7176 / 2587-6369 
Email paulogallo@cremerj.com.br 
Todo tratamento é feito na Huntington através do programa acesso. 
www.fertilicita.com.br 

11-Clínica Richet - Dr. Antonio Eugênio Magarinos Torres 
Dr. Antonio Eugenio Magarino Torres 
Av das Américas, 4801 - Barra da Tijuca - Rio de Janeiro 
Centro Médico Richet 
www.bebedeproveta.com.br 
Fone 21 - 3111-4792 

12-Clinica de Reprodução Humana Origen 
Dr. Marcelo Vale 
Ipanema: Visconde de Pirajá,330/709 
Fone: 21 – 2227-4655 
Barra: Av. Rodlfo de Amoedo,140 
Fone: 21 – 2128-5353 
www.origen.com.br 

13-Centro de Fertilidade Rede Dor 
Tel: (21) 3326-9004 
LABORATÓRIO DE REPRODUÇÃO HUMANA ASSISTIDA 
Av. Ayrton Senna, 2.541 
Hospital Barra D'Or, Barra da Tijuca, RJ 
Tel.:(21) 2430-3890 
CONSULTAS DE FERTILIDADE 
Av. das Américas, 505/209 - Barra Medical, 
Barra da Tijuca, RJ - Tels: (21)2493-0758/ 
2484-2918 / 2429-2140 / 2484-2564 
http://www.vidafertil.com.br/ 

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Música e poesia ...


De tarde quero descansar
Chegar até a praia e ver
Se o vento ainda está forte
E vai ser bom subir nas pedras

Sei que faço isso pra esquecer
Eu deixo a onda me acertar
E o vento vai levando
Tudo embora...
Agora está tão longe
Ver a linha do horizonte me distrai
Dos nossos planos é que tenho mais saudade
Quando olhávamos juntos
Na mesma direção
Aonde está você agora
Além de aqui dentro de mim...


Agimos certo sem querer
Foi só o tempo que errou
Vai ser difícil sem você
Porque você está comigo
O tempo todo
E quando vejo o mar
Existe algo que diz
Que a vida continua
E se entregar é uma bobagem...

Já que você não está aqui
O que posso fazer
É cuidar de mim
Quero ser feliz ao menos
Lembra que o plano
Era ficarmos bem...

 

Sei que faço isso
Pra esquecer
Eu deixo a onda me acertar
E o vento vai levando
Tudo embora...

(Vento Litoral - Renato Russo - Legião Urbana)



Por que nem tudo são sorrisos, as vezes, chorar é preciso. Aliás, necessário!

Por que chorar é preciso... lava a alma, desafoga o coração.


Coisas da Valentina.
 Minha pequena ... Nunca usou... 
Nem pra casa veio.  
Só dois dias de vida e uma eternidade no meu coração.
Filha, 6 meses sem você.

Faixas e laços, muitos feitos por mim.

A "Ferrari" e o Bebê Conforto dela, sem nunca ter usado.

Brinco de ouro ... pulseirinha... 

Enxoval ... muitas coisas já dei... algumas estão aqui... 
Guardadas... esperando... esperando...
a espera dói... 
Só Deus mesmo.

Tudo aqui... Branco, vazio... esperando ... esperando... 
Valentina, veio e se foi ... tão rápido...
como uma estrela cadente
que passa... 
e vai!

Não sei porque você se foi Quantas saudades eu senti
E de tristezas vou viver E aquele adeus não pude dar

Você marcou a minha vida Viveu, morreu na minha história
Chego a ter medo do futuro E da solidão
Que em minha porta bate

E eu...
Gostava tanto de você
Gostava tanto de você

Eu corro, fujo desta sombra Em sonho vejo este passado
E na parede do meu quarto Ainda está o seu retrato
Não quero ver pra não lembrar Pensei até em me mudar
Lugar qualquer que não exista O pensamento em você

E eu...  Gostava tanto de você
Gostava tanto de você
Eu gostava Eu gostava tanto de você

Olho pra trás, revivo tudo ... todos os dias lembro da minha pequena

Olho pra frente, choro... pelo que passei... por medo do futuro.
Tem dias e dias... 
Não são só sorrisos


Sinto falta da minha pequena Valentina. Nada irá substituir.
A fertilização será apenas para tentar ter outro bebê. 


 Mas ela não me garante nada. 
Ninguém garante o sucesso da Fertilização. 
Quem já  fez e não conseguiu sabe a frustração que é.

Ainda não fiz. O medo me consome. 
Preciso encarar. Mesmo com lágrimas ...
Vou em frente.
 É preciso!

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Consulta com Dr° João Ricardo Auler, maravilhosa. Mais um passo dado.
















Boa noite! Novidades do dia: começando com fotos pra ilustrar, bom né!


Ao fundo, Dr° João Ricardo Auler com gêmeas no colo



Aqui, fotos de alguns dos muitos trigêmeos que ele fez a fertilização.

Olá pessoal, boa tarde!
Hoje fui lá na Pró Nascer na Barra, estive com Dr° João Ricardo Auler. Ele é engraçado, fala tudo bem rapidinho e é super objetivo. Gostei mais que lá da In Focco em Caxias.
Conversamos sobre o que aconteceu comigo, fui honesta, disse que já havia passado em outra médica de fertilização que havia solicitado alguns exames, mostrei os resultados, ele solicitou outros tantos, me passou os procedimentos, pediu o laudo da hematologista, do angiologista e do cardiologista.
Retorno dia 4 de novembro, já com os resultados em mãos e se possível pra realizar o teste do cateter e marcar o protocolo (que é assinatura de contrato, definir quantos embriões serão transplantados, o que será feito dos que sobrarem, etc...) também tenho que realizar uma ultra transvaginal no próximo ciclo menstrual, fazer até o 6°dia no máximo. Uma mamografia, preventivo atualizado  etc...
Maridão também terá alguns exames pra realizar  hemograma completo, espermograma e EAS.
Então tá né?!
Estamos fazendo nossa parte, esperando a permissão de Deus.




Avaliação Feminina 



   Vários hormônios são avaliados para comprovar a viabilidade do tratamento. 
As taxas hormonais são ferramentas importantes no prognóstico do tratamento. 
Os exames geralmente têm cobertura dos planos de saúde e terceirizados pelo 
Laboratório Sérgio Franco.

Exames de Sangue:
• FSH     (TÁ FEITO, AGUARDANDO RESULTADO)
   Como falado anteriormente, temos que confirmar a reserva folicular, independente da idade da paciente, através do FSH na época menstrual.
   Acabamos de firmar uma parceria de peso com o laboratório Sérgio Franco, nos emitindo informações fidedignas.
   Importante é sabermos se a paciente tem reserva folicular e não saber exatamente se ela é uma mulher ovuladora ou não pois, qualquer tratamento a ser adotado em reprodução assistida, iremos estimular os ovários, e dessa forma, temos que ter a certeza de sua possível atividade ovariana, que não acontece quando a mulher atinge a menopausa.
   Porém existem formas de avaliar a suposta ovulação como o aumento da temperatura basal, que ocorre após a suposta ovulação pela produção de progesterona (liberada pelo folículo roto – corpo lúteo) para manter o endométrio compacto para a efetiva implantação embrionária; assim como a avaliação do LH, que pode ser avaliado pelo exame de sangue ou por kits adquiridos em farmácias. O pico de LH, produzido pela hipófise ocorre horas antes da suposta ovulação, pois é este hormônio que irá deflagrar a ovulação. Mas, são supostas as avaliações que não confirmam a efetiva ovulação e para nós não é tão significativo.
   Sabemos que mais de 90% das mulheres que menstruam regularmente (independente da extensão do ciclo), via de regra, ovulam. Mas como falado, o importante é a confirmação da reserva folicular para comprovarmos a possibilidade desta paciente ser portadora de “ovários estimuláveis” pois, iremos obrigatoriamente estimular os ovários de todas as pacientes (ovuladoras ou não) e complementar com progesterona natural, independente do tratamento a se adotado, objetivando aumentar as chances reprodutivas.
• Estradiol  (TÁ FEITO, AGUARDANDO RESULTADO)
   Também solicitado no 3º dia do ciclo, pode nos dar a informação de uma possível “falência ovariana oculta” caracterizado por um FSH dentro dois limites de normalidade (<12pg/ml) e taxa de estradiol basal alterada (>75pg/ml), com prognóstico ruim podendo levar a diminuição, ou ausência, de resposta folicular quando ocorre a estimulação ovariana com gonadotrofinas.
• LH  (TÁ FEITO, AGUARDANDO RESULTADO)
   Também solicitado no 3º dia do ciclo, pode nos dar a informação de uma possível produção precoce levando a uma “inundação androgênica” (produção aumentada de hormônios masculinos). Alteração muito comum nas Síndromes de Ovários Policísticos (SOP), principalmente quando a razão FSH/LH >2. Nestes casos podemos ter prejuízos na ovulação e/ou implantação embrionária.

-Além destes exames hormonais acima, fundamentais no processo de ovulação, solicitamos outros exames hormonais, que têm como objetivo principal identificar possíveis falhas da fase lútea, chamada de “janela de implantação embrionária”, importantes no processo de nidação, como a dosagem da prolactina e TSH (hormônio tireo-estimulante) e dos androgênios (hormônios masculinos).
   Estes resultados podem ajudar a predizer a chance da paciente ter uma resposta ovulatória, assim como determinar a dose de medicamentos estimuladores da ovulação que deverão ser empregadas para cada paciente.

-Solicitamos também exames imunológicos; exames de DSTs, obrigatórios; marcadores da endometriose, metabólicos que serviriam para o risco cirúrgico que será obrigatório na aspiração folicular, entre outros.

   Em alguns casos como nos abortamento de repetição ou repetidas falhas de implantação, solicitamos o Cross Match que nos dá a suposta informação de uma incompatibilidade imunológica do casal. A paciente grávida produz anticorpos bloqueadores que protegem o feto contra seu sistema imune. Quando não existe importante diferença genética entre o casal, estes anticorpos não são produzidos e deixam o embrião suscetível ao ataque do sistema imune materno.
   Nos casos indicados podemos indicar o uso de vacinas com linfócitos paternos na obtenção desta suposta imunização materna (produção de anticorpos bloqueadores) e conseqüentemente a manutenção da gravidez.

   Relação completa dos exames plasmáticos e ginecológicos solicitados:
• Imunológicos
• Anticardiolipina IgG  (já fiz, aguardando o resultado )
• Anticardiolipina IgM  (já fiz, aguardando o resultado )
• Dosagens de antitrombina III e 
das proteínas C e S (já fiz, aguardando o resultado )
• Tempo de tromboplastina
• Pesquisa da mutação G20210A do gene da protrombina (já fiz, aguardando o resultado )

• Pesquisa da mutação C677T do gene de metileno tetrahidrofolato redutase(já fiz, aguardando o resultado )

• Natural Killer CD3 / CD16+ / CD56+ (já fiz, aguardando o resultado )                  • Fator II Protrombina - Mutação - PCR
• Pesquisa de anticoagulante lúpico
• Antiperoxidase
• Fator V Leiden - Mutação - PCR (já fiz, aguardando o resultado )
• Homocisteina (já fiz, aguardando o resultado )
• Anticorpo Antimicrossomal
• Anticorpo Antitiroglobulina
• IgA - Imunoglobulina A
• Fator Antinúcleo - FAN
• Anti-ENA
• Anticorpo anti-DNA
• Anticorpo anti-SM
• Anticorpo anti-RNP
• Anticorpo anti-SS-A
• Anticorpo anti-SS-B
• Hormonais
• TSH (já fiz, aguardando o resultado )
• T3 - tiroxina livre (já fiz, aguardando o resultado )
• T4 (já fiz, aguardando o resultado )
• Androstenediona
• Testosterona
• 17- OH - Progesterona
• S - DHEA
• DHEA
• Prolactina (já fiz, aguardando o resultado )
• FSH (já fiz, aguardando o resultado )
• LH (já fiz, aguardando o resultado )
• Estradiol (já fiz, aguardando o resultado )
• Marcadores da endometriose
• Proteína C Reativa (já fiz, aguardando o resultado )
• CA 125 (já fiz, aguardando o resultado )
• Metabólicos
• Tipagem Sangüínea ABO (já fiz, aguardando o resultado )
• Fator Rh (já fiz, aguardando o resultado )
• Teste de Coombs indireto (Para mulheres fator RH negativo).
• Coagulograma (já fiz, aguardando o resultado )
• Frutosamida
• Lipidograma
• Glicose (já fiz, aguardando o resultado )
• Uréia
• Creatinina
• Insulina (já fiz, aguardando o resultado )
• Hemograma
• Urocultura
• EAS
* Creatinina
* Frutosamina
* Hemoglobina glicosilada
* Lipidograma
• Anti-virais
• Chagas (IgG e IgM) (já fiz, aguardando o resultado )
• HIV 1 / 2 (já fiz, aguardando o resultado )
• HTLV 1 + 2 (já fiz, aguardando o resultado )
• Hepatite A - anti - HAV IgG (já fiz, aguardando o resultado )
• Hepatite A - anti - HAV IgM (já fiz, aguardando o resultado )
• Hepatite B - anti - HBs (já fiz, aguardando o resultado )
• Hepatite B - HBsAg (já fiz, aguardando o resultado )
• Hepatite B - anti - HBc IgG
• Hepatite B - anti - HBc IgM
• Hepatite B - Hbe Ag
• Hepatite B - Anti Hbe (já fiz, aguardando o resultado )
• Hepatite C - Anti HCV (já fiz, aguardando o resultado )
• VDRL (já fiz, aguardando o resultado )
• Citomegalovírus IgM  (já fiz, aguardando o resultado )
• Citomegalovírus IgG (já fiz, aguardando o resultado )
• Rubéola IgM (já fiz, aguardando o resultado )
• Rubéola IgG (já fiz, aguardando o resultado )
• Toxoplasmose IgG (já fiz, aguardando o resultado )
• Toxoplasmose IgM (já fiz, aguardando o resultado )
• Ginecológico
• Colpocitologia Oncótica  (Não será necessário fazer)
• Pesquisa de Mycoplasma  (Não será necessário fazer)
• Chlamydia no colo uterino (Não será necessário fazer)
• Pesquisa de Streptococus beta hemolítico no colo uterino e na secreção vaginal (Não será necessário fazer)
• Captura híbrida HPV 
 (Não será necessário fazer)
  Etapas da Coleta de Sangue










Ultra-sonografia (USG)


Também solicitados na época menstrual, tem por objetivo principal, avaliar a integridade dos ovários e a espessura endometrial. Temos a oportunidade de observar algumas patologias como os endometriomas; cistos de retenção; ovários micropolicísticos, e supostos hipertrofias endometriais (espessamento do endométrio que será confirmado na vídeo-histeroscopia).
   O volume dos ovários reduzidos na época basal, juntamente com os níveis do FSH basal, também nos auxiliam no prognóstico de má resposta ovariana.



Vídeo-histeroscopia (VH)(já fiz, aguardando o resultado )

Solicitamos a vídeo-histeroscopia de rotina pois, entendemos que é o exame “padrão-ouro” para a avaliação direta do endométrio como prognóstico do leito de implantação embrionária. É habitualmente solicitado na 1° fase do ciclo, pois priorizamos a avaliação morfológica do endométrio. A melhor visualização e mais confiável se dá quando o endométrio se apresenta o mais fino possível (época pós menstrual). Afinal, para a avaliação funcional, basta afastarmos a possibilidade de falência ovariana para prever que este endométrio é funcionante. Até porque, em qualquer tratamento de reprodução assistida, a indução da ovulação vai ser implementada além da progesterona natural, prescrita de rotina para manutenção da suposta gravidez, independente da ausência do diagnóstico de insuficiência lútea (carência de progesterona para manutenção da implantação embrionária).

   A hipertrofia endometrial é melhor interpretada num momento em que se deve ter um endométrio mais fino, diferentemente da 2ª fase onde esta patologia poderá ser confundida com um padrão secretor fisiológico mais acentuado (maior produção de progesterona). Estamos com trabalhos promissores no sentido de aplicarmos avaliação de marcadores endometriais de algumas proteínas relacionados ao prognóstico da implantação embrionária. Enfim, a integridade da cavidade uterina é de vital importância para o sucesso de qualquer tratamento em reprodução assistida, seja de forma natural ou laboratorial. Condições adversas devem ser tratadas antes do ciclo de FIV.

Vídeo-histeroscopia (VH)

Histerosalpingografia (HSG) (já fiz, aguardando o resultado )

Solicitado após a menstruação e antes da suposta ovulação (entre o 7° e 10° dia do ciclo), de forma a evitar o risco de realizar o exame numa paciente grávida. Este exame tem por finalidade principal, avaliar a permeabilidade das trompas. 
Faz-se a administração de contraste a base de iodo através do colo do útero (via vaginal) e radiografias seriadas realizadas para observar a passagem deste contraste através das trompas. 
   Nem sempre solicitamos este exame, pois a paciente pode ter realizado recentemente; ou existir a possibilidade de estarmos diante de um caso com indicação de FIV como por exemplo, uma alteração espermática importante, onde não iríamos precisar das trompas para chegar à gravidez; ou estarmos diante de uma indicação de uma vídeo-laparoscopia para avaliação de algumas patologias e neste momento a avaliação tubárea (cromotubagem) pode ser realizada sob anestesia.
   Porém, a HSG é um exame “padrão ouro” para a avaliação da permeabilidade tubárea.

Teste do cateter(marcado para ser feito dia 04/11/2013)



O teste do cateter (“mock transfer”) é um exame realizado no ciclo anterior ao da FIV e visa estabelecer o trajeto que será percorrido pela sonda de transferência para a deposição dos embriões no útero materno no dia da transferência embrionária. Este é um exame de extrema importância para o resultado da FIV, pois uma transferência eficiente está associada a excelentes taxas de gravidez (menor tempo de transferência, ausência de lesão no trajeto). Faz-se uso da sonda de Sydney (Cook - ref. K-JETS-7019-SIVF) para a transferência embrionária.

Avaliação MASCULINA
   O exame de espermograma avalia parâmetros essenciais como concentração, motilidade e vitalidade espermática, mas também compreende de rotina exames altamente específicos como a morfologia e o teste de capacitação espermática que nos orienta sobre o prognóstico do melhor tratamento a ser adotado em relação ao tratamento laboratorial como a inseminação artificial e fertilização in vitro.
   O espermograma é um exame subjetivo, ou seja, depende do profissional que emite as informações avaliadas. Por isso, é fundamental a verdadeira informação do fator masculino, pois o diagnóstico incorreto ou incompleto, nos leva a tratamentos ineficazes e uma perda de tempo importante.
   Eventualmente, quando recebo um laudo da Pró Nascer, e observo uma qualidade espermática muito comprometida, solicito outros exames mais específicos como: hormônios; cariótipo; microdeleção do cromossomo Y, USG da bolsa escrotal; e até a aspiração de epidídimo seguido ou não de uma biópsia testicular, para fazermos um diagnóstico diferencial de obstrução ou insuficiência testicular nas azoospermias (ausência de espermatozóides no ejaculado).

    Exames de DSTs são obrigatórios para todos os homens.


sábado, 5 de outubro de 2013

Informações da Semana 30/9/13 à 04/10/13




Bem, esta semana foi bem corrida...
Mais uma vez explico, eu não sou infértil, nem o Marcelo. O motivo da minha opção para a fertilização in vitro é por ter feito a laqueadura no parto da Valentina, nossa filha que faleceu por erro médico dois dias depois de nascer. Como a laqueadura não poderá ser revertida, a solução que encontramos inicialmente foi adotar, acho que algumas colegas lembram-se disso não é? Pois é... 
Me informei, pegamos a listagem de documentos (que não são poucos) para reconhecer firma, registrar em cartório, certidões negativas diversas, minhas e do Marcelo... e no final, quando tive a entrevista com a psicóloga, ela deu pra traz.  Disse que eu não poderia me candidatar a adoção por ter perdido uma bebê muito recentemente e poderia estar em busca de substituição, e adoção não tem volta, é coisa séria, me pediu pra aguardar uns dois anos, e repensar se era isso mesmo que nós queríamos. Não fiquei chateada com ela, derrepente era isso mesmo que estava acontecendo e não estávamos percebendo.
Foi quando alguém me falou sobre a fertilização... e agora estamos aí, fazendo os exames para saber se poderei de fato realizar esse desejo que é ter um filho do Marcelo.
A primeira consulta já aconteceu. A médica pediu pra passar pelo hematologista e angiologista, além de pedir alguns exames, só então, com a liberação destes dois profissionais, eu terei o ok dela pra fazer o procedimento da fertilização. 
Esta semana foi um pouco agitada, com muitas furadas no braço,  suspeita de enfarto, exames... ufa... mas, é isso aí. Ninguém disse que seria fácil... e não está sendo.
Então um resuminho da minha semana pra todas que tem acompanhado minha saga em busca da permissão para fazer a fertilização.

Segunda: 
Amanheci com dores no peito, onde é o coração, uma dor tipo cãibra que irradiava para debaixo da axila e para o pescoço, toda a dor era do lado esquerdo do peito. Depois comecei a ficar fatigada,  com ligeira falta de ar, fui na emergência do hosp. aqui perto. Lá o médico pediu logo de cara um eletrocardiograma, que não acusou nada, para não deixar brecha, ele solicitou um exame de sangue chamado pesquisa das ENZIMAS CARDÍACAS, esse exame mostra se estaria ou não enfartando. O resultado mostrou que estava tudo certo. Fui encaminhada para psiquiatria e neurologia, pois ele suspeita ser ou  nervos ou stress que esteja causando esse desconforto. Vim pra casa, nem fui trabalhar.

Terça, quarta e quinta: 
Estava um porre de chata, eram os sinais da TPM. Foi a primeira vez  que eu fiquei torcendo pra ela vir logooooo... por que preciso fazer o exame de sangue que Drª Rogéria (da fertilização) solicitou. É um exame de sangue que tem ser colhido no 2° dia do ciclo menstrual. O meu medo era  a regra vir no fim de semana que o laboratório estaria fechado, mas como tenho percebido, tudo está dando certo, por que tem a permissão de Deus... ela veio, enfim na quinta feira. Por falar em quinta é um dia que trabalho o dia todooo então, ao chegar, jantei e fui logo deitar pra não sentir tanto as 12 horas de jejum. Por que uma pessoa tão ansiosa como eu, ficar sem comer é quase um castigoooo.

Sexta:
Acordei tão preocupada de perder a hora, que nem eram 6hs eu já estava de pé. Ontem Marcelo trabalhou de noite (é que ele trabalha dia sim dia não no horário noturno), pedi pra ele me acordar as 6:30, quando ele me ligou eu já estava de saída, já dirigindo. Até ficou surpreso... rs 
O laboratório é em Bangu, até que de Realengo pra lá não é tão longe. Cheguei, nem tinham aberto as portas ainda. Já havia uma pequena fila na entrada. Nada de mais.
Quando fui entregar os pedidos do exame aproveitei e perguntei se o exame que fiz alguns dias atrás já estaria pronto, porque a previsão é só pro resultado sair dia 11/10, mas... não custava nada perguntar... e pra minha surpresa, estava pronto sim.
O engraçado, é que o exame de hoje, eu fui dias atras pra "tentar" fazer, e fiz o outro. Hoje, ao fazer este peguei o resultado do outro, e "coincidentemente" calhou do resultado sair no dia da consulta da  hematologista, que teria sido na segunda feira, que passei mal, e foi remarcada pra hoje, se não fosse hoje, só teria vaga na agenda da médica em NOVEMBROOOOO. Será que deu pra entender? rs rs
Saí de lá hipermegaultra feliz. O exame que peguei o resultado era pra saber sobre a tendência a trombofilia. Deu negativo pra tudoooo. Então, não tenho trombose, não tenho tendência pra ter novamente. 

 \o/ eeeeeeeeeeeeeeee

 Vim pra casa, o dia nublado, chovendo uma chuva bem fina, dirigindo e chorando de alegria... Agradecendo a Deus por ter dado certo este resultado. Mais uma etapa superada.
Tomei café correndo e fui pra Tijuca. Quem conhece o Rio de Janeiro, sabe que é totalmente contramão do bairro que moro, massssssssss... nada me aborrece. Peguei um moto-taxi, trem e metrô, tudo pra fugir do trânsito. Afinal, tinha que estar as 10h no consultório. 

Até postei uma foto no meu Instagran  filosofando sobre as pedras e a linha férrea. vejam:

No caminho sempre haverá as pedras, 
porém se ñ sairmos dos trilhos chegaremos ao nosso destino. 
E as pedras? 
Somente fizeram parte do caminho. 
Bom dia a todos!

Lá no consultório da Drª Maria José,  após conversa explicando o motivo de estar ali, ela pediu outros exames de sangue, disse que era pra dar mais profundidade aos que Drª Rogéria pediu. Pra ter todas a certeza de que pelo lado sanguíneo, nada vai dar errado. Pediu pra providenciar os exames e retornar qdo estiver com os resultados, aí, ela dará o laudo me liberando para a fertilização. Tô feliz!
Ao sair do consultório, estava lá, Marcelo, me esperando com 3 chocolates da Cacau Brasil pra me dar. Dia maravilhoso. Vim pra casa com a sensação de que estou mais perto do meu propósito. 
Obrigada Jesus!
Obrigada!
 Abaixo alguns exames solicitados:
Este foi feito ontem, sexta. deve ter uns 30 itens para pesquisar no meu sangue.

Este é um exame solicitado pela Hematologista.


Outro exame pra complementar a pesquisa sanguínea e ter a certeza que estou 
liberada para a realização da Fertilização In Vitro.

Este é o que mais me emocionou até agora.
O resultado negativo para a trombofilia. Não tenho mutação genética nem predisposição a ter trombose novamente. Agora falta mais um pra completar a saga desta pesquisa de trombofilia.

Vamos continuar orando ... pedindo pro anjo da guarda...